24 May 2010

Filipa Azevedo - Há dias assim

Amigas

Amanhã todos os nossos olhos e ouvidos vão estar postos na nossa menina.

As que ficaram tristes (como eu) pela Catarina não ter passado só têm que dar toda a força e ânimo a Portugal.

E digam lá o que quiserem ela é poderosa...para mim só falta a parte da vela no piano...

Amanhã todos com Portugal...Todos com a Filipa Azevedo



Beijinho Bom!!!

5 comments:

Anonymous said...

Há quem seja pinderica até ao fim... e continue a gostar da aloucada da catarina.. vê-se mesmo que a menina da pradaria beirã nunca cultivou o gosto musical, e depois siga o pop rock em mistela côr-de-rosa...
Ganhava mas é a Ana Moura, a cantar um faduncho do Jorge Fernando.... se a Sra. D.ª Amália fosse viva....

Nunette said...

Ate parece a Monxica a falar.. anyway.. para mim quem ganha 'e a Belgica e nem preciso de ouvir mais nada. E espero bem que ele va imundo e porco, qt mais melhor.
Depois de eu sair de la, la teria de encontrar qq coisa que me fizesse tirar o chapeu..
E reparem, ele canta em ingles e sabem porque? Porque 'e melhor, para nao ferir susceptibilidades... se cantasse em frances tinha os flemish a crucifica-lo e vice versa..

a ver - http://www.youtube.com/watch?v=GlRq8E_Teoc

Loura Migratoria said...
This comment has been removed by the author.
Loura Migratoria said...

Credo!!
Cruzes!!
Que horror!!
Elas (anónimas)defincam-se sempre por 2 minutos de notoriedade!
E só tenho a dizer uma coisa à menina da pradaria beirã anónima : Takes one to know one.

Luizinha said...

Como a minha melher é a moderadora deste cantinho e para além do mais é uma cyber expert, a anónima já deixou de o ser ... Não vou denúncia-la à amiga Arturette pois ela não merece tamanha traição mesmo que agora se desculpe com "era brincadeira", pois a brincar a brincar o macaco foi ao cu à sua mãe, já dizia a minha avozinha. Isto dos gostos não se discutem, ou são indiscutíveis, tal qual usar calças aos quadrados tipo toalhas de mesa nos tempos que correm no entanto e até hoje não critiquei, mas achei que agora era o momento.